Datezilla

Primeiro encontro. Se ele não der certo, pode esquecer. E não estou falando sobre um encontro dos sonhos: lindo, romântico, com direito a chamar o pretendente de “Príncipe Encantado” e tudo mais. Estou falando de um encontro simples, verdadeiro, com um papo bacana, quem sabe um cinema, um jantar ou um singelo hamburguer em uma lanchonete qualquer, um pic-nic no parque verdinho. Sabe, aquelas pequenas coisas que ficam pra sempre. Que por mais que depois tudo dê errado, você guarda com um certo carinho e até respeito na memória. Posso dizer com certeza que tem algo assim guardadinho por aí em algum lugar. Mas, caso contrário, é com pesar que afirmo que tenha sido vítima de um(a) Datezilla. Para esclarecer de forma absurdamente resumida – ‘date‘, do inglês: encontro + ‘zilla‘, uma referência nem um pouco direta ao nosso amigo Godzilla, sim ele mesmo. Percebeu a situação?!

Levando em consideração que o que pode ser interessante pra você, não o é para mim, não vou citar atitudes de Datezilla nem dar dicas de como evitar se transformar em um. Mas convenhamos, assim como é nas pequenas coisas que nos agarramos é nas mesmas pequenas coisas que podemos nos afogar. Então por favor, uma coisinha ou outra, qualquer um tem que saber. Tipo não falar dos seus problemas familiares, dos ex-namorados(as), dos filhos que quer ter e blá blá blá… e mais blá. Antes do tal primeirissimo encontro, procure dar uma relaxada. Não adianta ficar travada(o) pensando em não cometer erros, igual a um dois de paus, esperando que a fada madrinha apareça e resolva tudo antes da meia-noite. Também não adianta sair mais cedo do trabalho pra se arrumar, se perfumar e sei lá mais qual “-ar”. Se você está se sentindo um ‘bagulho’, amiga(o) não há maquiagem ou loção pós-barba que faça você mudar. A beleza está em você, sinta-se confortável, linda(o) e atraente. A produção apenas acrescenta, não modifica nem lhe faz nascer de novo. No mais, atitudes datezillas variam para cada pretendente. No meu caso, mastigar de boca aberta ou fazer barulho durante a mastigação são imperdoáveis. E o tal de falar em ex… isso me mata, quer falar na(o) ex? Espera até o próximo encontro. Vou entender como um desabafo ou um aviso (“olha, presta atenção… não faz isso, porque eu não gosto…”, sabe, está meio que subentendido…). Claro, se acha que a pessoa vale a pena, não vai ser um ruído de ruminante que vai estragar tudo, tampouco uma referência qualquer a um passado chato e sem sal que você ouvirá com a maior atenção do mundo. Mas, atenção! Todo cuidado é pouco. E na hora de começar qualquer relação, não há nada como ser você. Assim, evitamos o problema de datezillismos gerados pela necessidade de parecer perfeitos, e também, uma possível desilusão advinda de ambas as partes. Diga “A-D-E-U-S!” ao monstrengo que existe em você, e curta muito o momento do “vamos ver no que é que dá!”. Be happy! (A Tia do Café)

Ps: Não me responsabilizo por eventuais frustrações alheias. Se não foi bacana, manda rodar e parte pra outra! =D Não perde tempo com oferenda que voltou do mar, não!

Ps2: Mais uma vez, escrevi o post sem olhar o blog. E não é que dessa vez veio bem a calhar?! Pena que a essa altura do campeonato o Homem do Cafezinho já está com a “pessoA”! Rsrsrs Sorte pra ele então! Que ele, nem a “pessoA” sejam datezillas! 😛

Anúncios
Published in: on outubro 24, 2008 at 11:41 pm  Comments (5)  

The URI to TrackBack this entry is: https://frapedecapuccino.wordpress.com/2008/10/24/datezilla/trackback/

RSS feed for comments on this post.

5 ComentáriosDeixe um comentário

  1. É mas aí é que tá,no primeiro encontro todo mundo quer imprecionar,ninguem mastiga c/ a boca aberta a não ser que seja muito Datezilla!!!hehehe,em compensação c/ o passar do tempo,vc acaba se deparando com defeitos ainda maiores,mas q colocados na balança,quando se gosta d verdade um café as vezes é só um café e acabamos por fim tolerando.

  2. Datezilla que come de boca aberta e fazendo barulho? Argh!!!! É tchau mesmo. Concordo que no primeiro encontro NUNCA se fala em ex, nem em perrengues familiares, fica estranho não fica??
    Hehe, lembro de uma vez que saí com uma criatura, meu Deus, ele me pegou em casa e eu notei que ele tava nervoso, ok, até aí tudo bem, mas ele quis parecer que estava tranquilo. Começo de conversa eu perguntei como estava o trabalho. Ah, maldita pergunta, perceba a resposta: “Ah, eu to muito estressado com meu trabalho, eu sou blábláblá do setor não sei qual do meu serviço e hoje apresentei um projeto para não sei quem e ele me disse que meu projeto estava uma merda, daí eu disse que ele fosse a PQP”
    Pensa!! E a criatura se mostrava indignada enquanto falava, eu juro que queria sair do carro naquele momento, mas como não foi possível eu continuei firme e forte … ´depois disso?? tchau pra sempre!!
    Bj

  3. QUE TEXTO DELICIOSO. COMO É BOM ACORDAR E TER ALGUMA COISA QUE PRESTE PRA LER.

    ESSAS ESTRIPULIAS DO PRIMEIRO ENCONTRO, REALMENTE, SÃO DEMAIS. HOUVE UM TEMPO EM QUE EU QUERIA AFASTAR AS PESSOAS DE MIM E O QUE EU FAZIA? AH, É TAO FACIL ESTRAGAR UM ENCONTRO, FALAR DO EX É UMA CARTADA PERFEITA! QUE BOM QUE O DESTINO ME PREGOU UMA PEÇA, MESMO COM TODAS AS TENTATIVAS DE RESISTENCIA, ELE QUEBROU ESSE MEU CORAÇÃOZINHO DE PEDRA.

  4. DEPOIS DA PESQUISA DIZENDO QUE CAFÉ DMAIS DIMINUI O PEITO, EU VOU PENSAR DUAS VEZES ANTES DE ME VICIAR NESSE BLOG…RS
    MAS EU VENHO, COM CERTEZA!

  5. Não me fala em Datezillas!
    Já fui chamada até de velha em um!!! E olha que eu sou novinha!

    E não me fala em Datezillas, que hoje eu vou ser convidada pra um encontro..
    Aff…
    Até suei frio!!
    hahahaah

    Beijos, tia
    e boa sorte pro Homem!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: